www.rcentro.com

 

 

 
 
  
Artigos » SociedadeTamanho da letra

Passos Coelho gosta de leite achocolatado

 
É notícia do dia em todos os jornais e televisões. Os impostos sobre os contribuintes portugueses já são de tal ordem que não tarda nada nada estes estão a passar fome; mas o leite achocolatado mantêm-se na taxa reduzida do IVA.

O governo retirou o 13º mês e o subsídio de férias aos funcionários públicos, mas alegrem-se, pois o leite achocolatado mantém-se na taxa reduzida.
 
O governo subiu o gás e a electricidade em quase 20%. Mas não fiquem tristes, pois o leite achocolatado…
 
Como é possível levar a sério um país que se comporta assim? Temos que dar razão aos credores que deixaram de nos emprestar dinheiro. Esta malta não regula bem. Não sabe distinguir o essencial do acessório. Que conversa é esta do leite achocolatado? Que interesse tem isto agora?!
 
Produtos como o leite achocolatado deviam ser taxados com impostos a 200%, assim como os cigarros, álcool, telemóveis, etc., etc., e com o remanescente desses impostos compensar os produtos essenciais como a água, gás e electricidade, transportes, pão, etc..
 
Não há qualquer dúvida. Os portugueses não se sabem governar. Está à vista o que fizeram do país. E o que está para vir, nem o leite achocolatado nos tirará o amargo de boca.
 
O leite achocolatado  no:
 
 
 
 
 
 
 
 
 
E só para não maçar mais o leitor não vamos elencar mais. Em todo o caso, esperamos ansiosamente uma comunicação do primeiro ministro (em inglês) aos mercados, sobre o leite achocolatado português.

Carla Toste
 

 

 

 



 

Print Friendly and PDF

Artigos relacionados:

» Como coser um botão?


» Como jogar batalha naval?


» Como jogar à cabra cega?


» Como andar de bicicleta com segurança


» Quem é Mónica Silva (técnica superior do ICN)


» Maria João Ruela tem filhos?
Fonte:    2011-10-14
 
Voltar
  
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 


» Contatos


siga-nos:

siga-nos nofacebook siga-nos no twitter rss